14.2.08

Oh não! Insónias outra vez…não!

Por vezes, quando me distraio, um arrepio subtil instala-se no estômago, alastra-se pelo corpo todo, entranha-se nas veias, e no espaço de uma explosão cardíaca despoleta na minha mente a imagem de ti. Sufoco, suores frios, arritmia cardíaca, desorientação espacio-temporal micromilésimal. Numa fracção de segundos reencontro-te só para te voltar a perder de vista, por entre a bruma da memória. É nessa altura que era capaz de jurar que o teu coração chama pelo meu, como dantes.
Um dia destes, de tanto bater, o meu coração vai parar...

3 comentários:

SA. disse...

Ok, começa a tornar-se assustador =S

whitesatin disse...

Spooky! o_o

Druiel disse...

ou de tanto chamar ...